Menu fechado

Como é a realização do Divórcio Em Cartório.

Entenda como é feita a realização do Divórcio Em Cartório.

DIVORCE LAWYER facebook

Hoje em dia, algo que veio com a modernidade e independência das pessoas foi a liberdade para o divórcio.

Até relativamente poucos anos atrás a lei dificultava o procedimento para quem desejava se separar. Hoje em dia a regra é diferente, a lei vem sendo criada no sentido de facilitar quem precisa fazer esse procedimento.

Uma opção muito prática para os casais que desejam se divorciar é fazer esse procedimento no cartório.

Existem muitos motivos para essa escolha, entre eles:

  • Menos burocracia do que um processo judicial;
  • Possibilidade de resolver a situação muito mais rápido;
  • Evitar o clima pesado que as pessoas costumam sentir quando entram com um processo na justiça

Importante na hora de entrar com esse procedimento em cartório é lembrar que este procedimento poderá ser realizado em cartório apenas quando o casal não possui filhos melhores.

Entrega dos documentos para divórcio em cartório:

Mesmo para que você realize o divórcio em cartório é necessário que haja um advogado constituído pelas partes. Este advogado poderá ser o mesmo para as duas partes, caso assim prefiram.

Os documentos principais que são necessários para entrar com esse pedido no cartório são:

  • Certidão de casamento
  • Documentos pessoais
  • Documentos de comprovação de todos os bens que o casal possui em nome de cada um deles.

Caso não haja bens em nome do casal a partilha é muito mais simples, pois são bem menos documentos para analisar.

Após essa etapa o advogado irá elaborar uma espécie de petição para levar ao cartório formalizando todo esse pedido.

Elaboração da minuta pelo advogado

O advogado irá elaborar este documento levando em consideração o desejo das partes.

Isso não apenas em relação ao desfazimento da relação conjugal como, também, em relação a bens e pensão.

Exemplificando, imagine que um casal possua um carro em comum e um apartamento.

Nessa petição eles devem inserir como ficará a situação nesses bens, ou seja, com quem irá ficar.

Quanto à pensão, caso alguma das partes vá receber uma pensão alimentícia da outra parte essa informação também poderá ser inserida.

O importante é que haja a demonstração de todos os bens que o casal tem e qual destinação será dada a cada um.

Caso isso não seja feito o seu procedimento junto ao cartório poderá ser barrado por falta de documentação e isso acabará fazendo com que demore mais para sair a certidão de divórcio.

Valores de Cartório

Após entrar com o pedido o cartório irá apurar e informar ao advogado qual será o valor deste divórcio.

Os valores informados pelo cartório conterão as custas do cartório, taxas obrigatórias e impostos obrigatórios.

Esse valor irá variar muito de acordo com o cartório, estado, quantidade de bens e divisão dos bens. Portanto, não há como fazer uma estimativa.

Agendamento da data para assinatura do divórcio

Após pagas todas as guias o cartório irá designar uma data para que as partes possam assinar a certidão de divórcio.

A data designada levara em consideração a quantidade de documentos que precisam ser elaborados e a demanda do cartório para atendimento.

Dia da assinatura da certidão

Após agendada a data, no dia, as partes comparecerão juntamente com o advogado para assinatura do documento.

Esse é o momento de verificar se tudo está correto. Leve todos os seus documentos originais.

Após isso o documento já está pronto e registrado.

Menos burocracia, menos tempo e menos desgaste para as partes que já estão passando por este momento complicado.

Esperamos tê-lo ajudado com este artigo! Para conferir mais textos como este, siga as nossas redes sociais. Estamos no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Post relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×